Bagels. Como é que nunca tinha provado isto?

Eu sei, eu sei. Podem julgar-me à vontade. Mas a verdade é que nunca tinha comido Bagels.
A Bimbo fez-me o favor de tratar desse assunto e entregou-me os novos Thomas Bagels para provar e, confesso, devorar.


Dizem eles que são indicados para torrar e comer ao pequeno-almoço. Saibam que mal me chegaram às mãos, tal foi o alarido no escritório que fui obrigada a acabar com o desconhecido. Todos os 4 Bagles foram à vida, num só dia. 

Sem torrar, simples
Para os amantes de pão de forma, ou para os preguiçosos que, como eu, tantas vezes compram pão de forma para evitar sair todos os dias de casa para comprar pão, podem estar a admirar uma alternativa à vossas escolha mais convencional. É fofo como o pão de forma normal, mas sabe a Bagel. 

Sem torrar, com doce
Escolham o doce que quiserem, mas eu tinha que ir buscar os frutos vermelhos. E se frutos vermelhos não fosse, de morango teria que ser - gosto pessoal.
Este lanche acabou por me levar a "perder" um dos meus Bagels. O meu colega do lado fez-lhe olhinhos e lá se foi um para o guloso.
 Torrado, com queijo de barrar e doce
Confere. São ainda melhores torrados. E com queijo de barrar. E com queijo de barrar e doce. Uma bomba calórica que me encheu os olhos e regalou o estômago.
Realmente será melhor fazer esta "asneira" na dieta pela manhã, mas acreditem que pode ser uma "entrada maravilha" em almoços e jantares.
Mais uma vez vi-me obrigada a partilhar o último Bagel e, para que conste, a expressão desta cobaia foi "o meu estômago está a bater palmas".

Sem comentários :

Enviar um comentário

Instagram