Reflexos da Sociedade

Este sábado tive a oportunidade de acompanhar a cada instante a cerimónia da bênção das fitas da minha faculdade. Foi realmente um dia cheio de emoção com muitas lágrimas e sorrisos nos rostos de todos aqueles que naquele dia encerraram mais uma fase da sua vida, licenciaram-se e partem agora para uma nova luta.
No meio de tanta alegria e euforia, houve porém algumas situações que me chocaram. Como é que algumas pessoas, que não são finalistas, aparecem na igreja 2:30h antes do início da cerimónia para terem um lugar sentados? Jesus! Se é assim para uma bênção que dura no máximo 1 hora, imagino como serão estas pessoas quando vão a um grande concerto. Depois, com a igreja a rebentar pelas costuras, não havia já lugar para os finalistas se sentarem porque aquelas pessoas que correram para os bancos não se queriam levantar de forma alguma. Como é que não têm a dignidade de perceber que a cerimónia é dos finalistas e é para eles que tudo aquilo faz mais sentido? Como se isto já não bastasse, ainda na igreja, quando o padre saiu do altar em direcção aos finalistas para a bênção efectiva das pastas, os paizinhos levantam-se todos e foram a correr para perto dos filhotes para captar o momento, ao ponto de o senhor padre ter que andar a fazer zigue-zagues para se desviar dos papás. Eu não sou de qualquer forma religiosa, mas se estamos numa igreja o espaço não deveria ser respeitado? Eu que estava lá de propósito para tirar as fotografias do evento, já me sentia incomodada por tantas vezes ter andado pelo corredor, pela frente do altar, mas quando toda aquela multidão se levantou que nem leões a um bocado de carne, só consegui sentir vergonha alheia.
Sinceramente não percebo o que se passa com este mundo. Está tudo maluco! Ninguém respeita ninguém, anda tudo egocêntrico e egoísta. Isto incomoda-me e muito. Porque, se "nós somos o reflexo do meio em que fomos criados" e esta é a atitude destes pais, significa que os filhos farão o mesmo quando eles mesmos forem pais. Esta é a minha geração e não me agrada em nada saber que é por ela que o meu país será construído. Não acredito que o caminho seja o desrespeito, desculpem-me.

(Sim, estou revoltada!)
Fonte: Pinterest

Vanessa, from A Woman's Diary

Sem comentários :

Enviar um comentário

Instagram